Endoscopia de coluna: realizadas com uso de câmera de vídeo 

A Cirurgia por Vídeo ou Endoscopia da Coluna é uma moderna técnica cirúrgica minimamente invasiva para o tratamento de hérnias de disco e estenoses do canal (estreitamento do canal), que vem modificando o tratamento cirúrgico da coluna, pois mostra ser um método menos traumático, com o mínimo de morbidade e resultados clínicos semelhantes quando comparado com as técnicas convencionais. 

Dessa forma, endoscopia de coluna é alternativa à microcirurgia para hérnia de disco, considerada padrão-ouro (técnica padrão que serve de comparação às demais). A literatura médica aponta que os resultados de cirurgias microscópicas e endoscópicas para hérnia de disco são semelhantes. 

Como é realizada?

O cirurgião introduz um fino tubo (cânula), através de uma pequena incisão, onde passará uma câmera com fibra ótica na parte interna do endoscópio que transmitirá as imagens por vídeo em um monitor. 

Com isso, através de instrumentos especiais e de alta precisão, consegue, remover partes do disco lesado e fragmentos herniados, descomprimindo e aliviando a pressão no nervo e dentro do disco. Após a remoção, todo o instrumental é retirado cautelosamente e a musculatura retorna ao seu local. Muitos pacientes sentem alívio imediato dos sintomas logo após o procedimento. 

Quais as vantagens?

As principais vantagens da Endoscopia da Coluna são: 

– Menor trauma/lesão da musculatura da coluna com consequente menor sangramento 

– Baixíssimo índice de infecção 

– Incisão reduzida na pele (normalmente de 8mm a 1cm) 

– Baixos índices de lesões nas diversas estruturas neurológicas e vasos sanguíneos (diminuindo a perda sanguínea. 

A Endoscopia da Coluna também pode ser realizada sob anestesia local/sedação dependendo do caso. 

Anestesia

As endoscopias transforaminais lombares são passíveis de serem realizadas tanto com o paciente sob anestesia geral ou sob sedação. A endoscopia interlaminar lombar é realizada sob anestesia geral. 

Pós-operatório

Após o pós-anestésica, o paciente é levado para o quarto do hospital. Provavelmente já conseguirá sentar-se e levantar com cuidado para dar seus primeiros passos após o procedimento cirúrgico. Estará com um pequeno curativo no local da incisão. 

A fase de cicatrização leva ao redor de 7-10 dias quando deverá retornar com seu médico para retirada dos pontos.  

Após a cicatrização da ferida cirúrgica, iniciará fisioterapia motora e trabalho de reabilitação motora e postural. 

Atividades de maior esforço somente são liberadas após 6 a 8 semanas.  

Obs: Vale a pena lembrar que cada caso deve ser avaliado de forma individual e de acordo com a equipe médica. 

Apenas o médico especialista em coluna poderá informar se a cirurgia por vídeo da coluna poderá ser uma opção para seu problema. 

Quer saber mais? Entre em contato conosco!

Receba nossas novidades

Inscreva-se gratuitamente em nossa newsletter.

Ao inscrever-se você está de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de uso.

Acesse nosso canal do Youtube

Acompanhe o IPC no YouTube e descubra um conceito inovador, integrado e de excelência em tratamentos e cirurgias para a coluna.

Você também vai gostar
Entre em contato para agendar sua consulta!